Loja Compra facil Lingerie

Revenda: como diversificar mix de produtos de roupa íntima

Não há dúvidas de que a montagem do estoque é um dos passos mais importantes para conseguir alcançar bons clientes e resultados prósperos com a revenda de lingerie. Para além de ter um conjunto de produtos variados, que agrade ao público, é preciso prezar também por peças básicas que saem com mais frequência.

Pode parecer uma equação complexa, mas é possível, com um pouco de pesquisa e precaução, montar o estoque ideal para impulsionar ao máximo suas vendas. Por isso, neste post, vamos dar dicas essenciais para escolher um mix de produtos de lingerie perfeito, que atraía toda clientela em potencial. 

Entendendo o perfil da cliente

O primeiríssimo passo – e talvez um dos mais importantes – é conhecer, verdadeiramente sua cliente. E vale frisar: com isso estamos falando de ir além de suas suposições e achismos, uma vez que não é raro nos equivocarmos sobre o que pode fazer, ou não, sucesso com o público. 

Portanto, cada pessoa que fizer uma compra pode ir para um banco de dados – em que você deve montar em uma planilha, sem muitos detalhes. É importante anotar alguns pontos como idade da cliente, peça que comprou (modelo e cor), tamanho e dia da compra.

Assim, é possível observar sazonalidades – ou seja, épocas em que vale investir em lingeries mais confortáveis ou em peças mais sensuais -, o que atrai qual tipo de cliente e qual categoria tem mais potencial de sucesso, seja plus size, linha noite, lingerie sensual etc. 

Ainda sobre mapear clientes e seus possíveis perfis, vale separar também as informações de compradores indiretos, que são aqueles que compram os produtos para dar de presente ou revender e não para consumo próprio.

Apostar em tendências pode ser chave

O segundo passo é ficar sempre atenta às novas tendências de lingerie. Ao trabalhar com revenda de moda íntima, é essencial saber de tudo o que está rolando nesse segmento, afinal, é comum que várias clientes peçam modelos que viram na passarela, em alguma novela popular ou até mesmo em um Instagram famoso.

Mesmo se você for uma revendedora focada no básico e em conjuntos para o dia a dia, a dica continua valendo. Isso porque, saber sobre as novidades mais quentes, além de entender sobre o que está sendo falado no meio, é uma forma de ganhar autoridade e presença no universo de lingerie. Ninguém quer comprar de alguém que não entende do próprio produto, certo?

Por isso, pesquise sempre sobre o que as grandes marcas de moda íntima estão fazendo, além de acompanhar o que influencers da área estão postando sobre o assunto. Se puder incluir essas peças em seu estoque de revenda, melhor ainda. 

Não se esqueça dos básicos 

Por outro lado, ao mesmo tempo que estar atenta às novidades e às peças “mais diferentes” é importante, não dá para abrir mão dos básicos e melhores parceiros para o dia a dia! Sutiã com bojo simples, calcinha estilo boneca, tons de nudes e rendas delicadas são essenciais no estoque de qualquer revendedora, já que sempre são pedidas.  

Na hora de saber em quais peças básicas investir, temos que voltar ao primeiro item: conheça sua cliente. Quando entendemos qual é a necessidade daquela pessoa, montar um estoque para satisfazê-la é muito mais fácil. 

Aos poucos, você terá dados suficientes de sua clientela para saber modelos mais requisitados, tamanhos, tons de nudes preferidos etc. Além disso, claro, vale sempre manter uma conversa próxima com seu público. Pergunte o que querem, o que acharam de determinada tendência, qual peça que não conseguem viver sem – isso é bom, tanto ao vivo ou em uma conversa particular, quanto nas redes sociais, para movimentar o perfil.

Por em Roupas

produtos para você se inspirar

D135

Publicações semelhantes

veja
ASSINE NOSSA NEWSLETTER!
Não perca nenhuma atualização
e ainda garanta descontos em nossa loja!
Posts Recentes
Posts Mais lindos